Fim do I Curso de Capacitação de Monitores de Turismo Rural, Aventura e Natureza

Uma parceria entre o Atibaia e Região C&VB, a Casa do Caminho e apoiadores como IDESTUR (Instituto de Desenvolvimento do Turismo Rural) trouxe uma proposta inovadora para região:  O Curso de Capacitação de Monitores de Turismo Rural, Aventura e Natureza, que aconteceu entre os dias 18 e 29 de janeiro.  O objetivo do curso foi promover a inserção de jovens no mercado de trabalho através da capacitação e desenvolvimento das potencialidades individuais, aproximando-os assim das oportunidades de trabalho e da auto-realização, bem como permitindo que empresários da região, na convivência com estes novos atores do mercado turístico regional, possam potencializar o mapa de oportunidades de sua empresa, conhecendo futuros colaboradores.

Ao todo, são dez jovens que do curso, sendo oito deles, alunos da Casa do Caminho e dois alunos do Turismo Rural de Joanópolis.

“É uma grande oportunidade, ao dar continuidade na implantação do Estudo de Competitividade, poder falar com os jovens sobre os desafios que o mercado de trabalho do turismo apresenta”, comentou Valéria Andrade de Thomaz, presidente do ARC&VB, informando ainda que essa primeira turma, selecionada graças ao trabalho desenvolvido pela Casa do Caminho, foi formada com os estudantes que participaram da pesquisa de demanda, além de dois representantes de Joanópolis, que criou excelentes roteiros de turismo rural.

Segundo os coordenadores do curso, diretores de turismo de aventura, Alexandre Anderson, e turismo rural, Andreia Roque, “essa é a primeira vez que apresentamos em conjunto as novas tendências para o turismo de aventura e rural, com ênfase em meio ambiente, o que é o grande diferencial da nossa região”.

Em um primeiro momento foram ministradas aulas abordando temas de grande importância e interesse não só voltados para o turismo rural, natureza e meio ambiente, mas também para posicionamento no mercado, visão empresarial e hotelaria, postura profissional e futuro.

Na segunda etapa, que ocorreu entre os dias 26 e 29 de janeiro, os jovens foram divididos em duplas e participaram do cotidiano de empresas voltadas para a atividade, aprendendo, conhecendo e observando a rotina. As empresas que receberam os alunos foram Atibaia Campo, Tirolesa em Pedra Bela, Teleférico de Atibaia, AR&CVB, Atibaia Turismo, Fazenda Paraíso e Brasil Rural.

José Antonio, da Atibaia Turismo diz “Os dois alunos que recebi tiveram a oportunidade de participar do receptivo de um grupo que ia desenvolver uma atividade de ecoturismo. Procurei conceituar os serviços de receptivo que fornecemos e fizemos juntos exercicios de como se elabora um roteiro, como se faz o custeamento, enfim , uma ideia geral dos serviços que prestamos e também dos bastidores de uma agência de turismo receptivo”.

Já Thaís, da Fazenda Paraíso, afirmou que “(...) foi possível passar para as meninas Ana Carolina e Larissa a vivência das atividades da Fazenda Paraíso. No domingo elas puderam participar mais ativamente do trabalho. Foi muito bom para nós participar desta iniciativa e de certa forma contribuir com esses jovens.”

O ARC&VB agradece aos coordenadores e palestrantes do curso, Andreia Roque, Rita de Cássia, Maria Fernanda, Sidney Fontes, Alexandre Anderson, Sérgio Zocchio, Gilberto Pacheco, Rodrigo Parras, Fernando Mamede, Ana Herrerias, Carlos Aquino, Giuliano Pieve e Mariza Aspahan; e também aos empresários que receberam os alunos, Paulo Dias, do teleférico de Atibaia e José Antonio, da Atibaia Turismo.
Abaixo você pode ainda conferir o vídeo da entrevista de Ana Gouvêa com a nossa diretora de turismo rural, Andreia Roque. Assim como as fotos do curso.